PM prende “integrante do PCC” em Ilhabela; Criminoso tentou subornar policial oferecendo R$100mil

PM prende “integrante do PCC” em Ilhabela; Criminoso tentou subornar policial oferecendo R$100mil

Na madrugada de hoje (02), os policiais militares CB Souza, CB Israel, CB Waschinski e SD Vilela, prenderam três marginais que faziam tráfico de drogas na cidade. A ocorrência começou quando os polícias avistaram dois suspeitos num veículo modelo Gol, o sinal de parada não foi obedecido e começou um acompanhamento a esse carro.

Durante a fuga em alta velocidade, o motorista entrou na contra mão e acabou colidindo com uma moto, na colisão o pneu do veículo furou e foi abandonado pelos marginais.

Os policiais fizeram um cerco e conseguiram deter A.L.R, que em pesquisa via COPOM constava como procurado pela justiça, evadido do presídio de Mongaguá, litoral sul do estado. Durante busca veicular os polícias localizaram R$ 354,00 em dinheiro e o RG do indivíduo que conseguiu se evadir, qualificado como E.L.O.

Em diligência pelo bairro do Green Park, próximo à residência dos suspeitos, os policiais localizaram entorpecentes e prenderam outro marginal de iniciais L.LS.

Em continuação a ocorrência, já no bairro da barra Velha um terceiro indivíduo foi preso, que segundo os polícias era responsável por guardar as drogas da quadrilha. Ao todo foram localizados 54 pedras de crack, 07 pinos de cocaína e 35 pedaços de maconha.

Durante a apresentação da ocorrência na Delegacia, A.L.R tentou subornar um dos policiais, oferecendo R$ 100mil reais por sua liberdade, alegando ser integrante da facção criminosa “Primeiro Comando da Capital – PCC – e que seria representante da facção em Ilhabela.

Mediante aos fatos, o delegado de plantão tomou ciência do ocorrido e autuou os três indivíduos em flagrante por tráfico de drogas, associação ao tráfico, corrupção ativa, e captura de procurado, ficando os três a disposição da justiça.

Com relação ao indivíduo que se evadiu, com os dados coletados no documento de identidade achado no veículo, a autoridade de plantão fez o indiciamento e posteriormente deverá ser preso pela polícia judiciária que apura o caso.
O veículo foi apreendido devido ser usado para a prática de tráfico de drogas, o motoboy teve ferimentos leves e passa bem.