Prefeituras do Litoral Norte assinam carta de compromisso em defesa do “Oceano sem Plástico”

Prefeituras do Litoral Norte assinam carta de compromisso em defesa do “Oceano sem Plástico”

As Prefeituras de Ilhabela, Caraguatatuba, São Sebastião e Ubatuba assinaram na tarde desta terça-feira (14/09) uma carta de compromisso em defesa do “Oceano sem Plástico”.

A assinatura foi realizada em evento em Ilhabela e que reuniu o prefeito Toninho Colucci e os quatro secretários de Meio Ambiente do Litoral Norte (Xico Graziano – Ilhabela; Tatiana Scian – Caraguatatuba; José Augusto de Carvalho Mello – São Sebastião; e Sílvio do Prado Bohn Júnior – Ubatuba).

No documento, os secretários se comprometem a lutar e a trabalhar em conjunto para desenvolver projetos e ações que combatam a poluição por resíduos plásticos em seus territórios. Acreditam assim que, em esforço coletivo, trarão contribuição efetiva em defesa da vida no oceano.

A carta de compromisso estabelece seis princípios que serão adotados pelas Prefeituras do Litoral Norte: tomar medidas públicas que reduzam a quantidade de produtos à base de plásticos derivados de petróleo, através da redução de seu consumo pelo redirecionamento das compras públicas; apoio das Câmaras de Vereadores na aprovação de legislação que proíba ou restrinja o uso de materiais plásticos no comércio municipal, favorecendo a substituição por produtos biodegradáveis; articulação com os setores empresariais visando o estímulo ao uso de produtos alternativos aos plásticos nos estabelecimentos de turismo litorâneo, principalmente restaurantes e quiosques de praia; reforço da limpeza pública das orlas das praias, com decidido programa de reciclagem, evitando-se que materiais plásticos sejam levados ao mar; implementar um programa conjunto de educação e conscientização ambiental, tanto nas escolas quanto junto aos moradores e turistas; e o envolvimento das entidades ambientalistas e representativas, capaz de mobilizar a sociedade civil na proteção da biodiversidade marinha e na defesa da sustentabilidade dos oceanos.

Ainda na carta de compromisso, os secretários municipais se comprometem a manter uma agenda de trabalho conjunta, realizando reuniões trimestrais, em cada município, somando esforços para avançar nas políticas de meio ambiente do Litoral Norte.

José Augusto de Carvalho Mello, secretário de Meio Ambiente de São Sebastião, destacou o comprometimento dos municípios no combate à poluição do mar. “Estamos nos unindo em prol de um objetivo maior”, destaca.

Já a secretária de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca de Caraguatatuba, Tatiana Scian, entende que a assinatura da carta é o pontapé inicial da parceria regional. “Os oceanos pedem socorro e nós gestores públicos temos que assumir nossas responsabilidades. O caminho é cuidar dos resíduos e promovermos a educação ambiental”.

Silvio Bohn, secretário de Meio Ambiente de Ubatuba, também entende que a gestão de resíduos e a coleta seletiva são caminhos para diminuir o plástico nos oceanos. “Outro ponto bastante importante é a ocupação desordenada, cujos locais o serviço público não chega e gera como consequência a poluição em rios e no mar”.

O secretário de Meio Ambiente de Ilhabela, Xico Graziano, disse que o evento foi fruto de várias inspirações, mas principalmente por conta da quantidade de lixo nos mares. “Temos que despertar essa rebeldia em cada um de nós e não nos conformarmos em assistir tudo isso. Oceano sem plástico é utopia, mas a voz dos oceanos está escutando e precisamos nos mobilizar. Essa união das cidades é um marco importante e agora nós temos tarefas a cumprir”, disse.

Anfitrião do encontro, o Prefeito de Ilhabela, Toninho Colucci, foi além e pediu também que os prefeitos do Litoral Norte assinem a carta de compromisso.

“É importante que os prefeitos estejam presentes nestas ações e por isso peço a assinatura dos meus colegas de Caraguatatuba, São Sebastião e Ubatuba. Coleta de lixo eficaz, reciclagem e saneamento básico são importantes para diminuir a poluição dos oceanos. Mas entendo que a educação ambiental fará a diferença e por isso vamos investir nessa área nas escolas”, comenta o prefeito.

Ainda no evento, Colucci assumiu outro compromisso. “Estamos determinando que a Prefeitura de Ilhabela não adquira mais produtos de plástico. Vamos começar a dar exemplo”.

Além dos secretários municipais e do prefeito Colucci, estiveram presentes no evento o vice-prefeito João Pedro Colucci, o secretário de Governo, Júlio Cezar De Tullio, a secretária de Desenvolvimento Econômico e do Turismo, Luciane Leite, a secretária de Educação, Lídia Sarmento, o secretário de Cultura, Marcos Guti, o Advogado Geral do Município, Luís Henrique Homem Alves, além de representantes de entidades das quatro cidades do Litoral Norte.

Expedição Voz dos Oceanos

Ainda no encontro de hoje, entidades ligadas ao meio ambiente e proteção de oceanos e animais foram convidadas para falar um pouco sobre o trabalho desenvolvido nas cidades.

A Família Schurmann também esteve presente no evento representada pelo Capitão Vilfredo Schurmann. Ele falou sobre a Expedição Voz dos Oceanos que teve início no dia 29 de agosto em Balneário Camboriú, em Santa Catarina.

“Já morei 12 anos em Ilhabela e tenho um carinho enorme por essa cidade. Fiquei muito feliz no que ouvi e o compromisso assumido pelos gestores. Esse é o objetivo da Voz dos Oceanos, propagar bos projetos, afinal nosso oceano pede fôlego”, disse Capitão Schurmann.

A Expedição Voz dos Oceanos irá testemunhar e registrar, in loco, o que está acontecendo nos oceanos, além de navegar em busca de soluções inovadoras, conscientizar e engajar as pessoas ao redor do mundo para a necessidade de ações urgentes.

Além de Ilhabela, outros pontos da costa brasileira serão visitados: Ilhas do Caribe, Costa Atlântica dos Estados Unidos, México, Panamá, Galápagos, Ilhas do Oceano Pacífico, Polinésia e Nova Zelândia.

No total serão 60 destinos e uma rota que inclui ainda alguns pontos dos mares, onde os mais variados itens de plástico se acumulam, vindos de diferentes partes do mundo por meio das correntes marítimas.