Escola de Ilhabela realiza a 1ª Semana Cultural Shakespeare

Escola de Ilhabela realiza a 1ª Semana Cultural Shakespeare

A Escola Prefeito Leonardo Reale, localizada no bairro da Armação em Ilhabela, iniciou realizou entre os dias 2 e 6 de maio, o projeto Semana Cultural Shakespeare – vida e obra, que contou com apresentações artísticas e literárias.

O evento teve como objetivo o enriquecimento do repertório cultural dos estudantes, conhecimento que está acima das fronteiras do idioma, uma vez que a obra Shakespeariana é uma herança cultural que desperta o interesse nas produções artístico-culturais mundiais (peças de teatro, leituras dramáticas, contações de histórias, produções textuais, ilustrações, pinturas, quadrinhos, mapas, canções, danças etc.) um grande legado para a humanidade, que já se perpetua há mais de 430 anos.

“A importância de se conhecer a literatura clássica é que quando se vai ler os livros contemporâneos conseguimos identificar os diferentes perfis. A megera domada me deu a base para identificar na teledramaturgia brasileira os personagens de Ruth e Raquel, a irmã boa e a irmã má”, declarou a professora de Língua Inglesa, Denise Carmen dos Santos Longo, professora organizadora e responsável pela Semana Cultural Shakespeare na Escola Municipal Prefeito Leonardo Reale.

A programação foi intensa e contou com apresentações dos estudantes maiores aos menores com o intuito de diminuir a timidez e fortalecer a autoconfiança daqueles que se apresentaram no palco. Alguns estudantes prepararam leitura dinâmica, narração, músicas e teatro, outros colaboraram com a decoração de painéis e cartazes, os quais estiveram expostos por toda a escola. As manifestações artísticas foram inspiradas nas obras de William Shakespeare, como: Romeu Julieta, Sonho de uma noite de verão, Hamlet e a Megera Domada.

Acredito que a arte e a literatura têm o poder de não só abrirem portas e janelas para vislumbrar um mundo novo; mas também e além, o de quebrarem barreiras, ressignificar os padrões e abrir espaços no ser e no tempo para o desenvolvimento sinérgico, autônomo e cultural de todo indivíduo e de qualquer sociedade”, declarou Cesar Quintino, coordenador de Língua Inglesa da Secretaria Municipal de Educação.

Os alunos da E.M. Maria Leonor Marques Fazzini, também prestigiaram o evento, o que promoveu a integração entre os dois segmentos (Educação Infantil e Ensino Fundamental).