Ilhabela é premiada no 35º COSEMS/SP por programa inédito de monitoramento domiciliar

Ilhabela é premiada no 35º COSEMS/SP por programa inédito de monitoramento domiciliar

Ao todo, foram inscritos 725 trabalhos, de 64 municípios, inseridos em 10 eixos temáticos

Ilhabela recebeu na tarde da última sexta-feira (18/3) o 11º Prêmio “David Capistrano” da 18ª Experiências Exitosas dos Municípios, concedido no 35º Congresso de Secretários Municipais de Saúde do Estado de São Paulo (COSEMS/SP).

A cidade recebeu a premiação pelo trabalho “Gestão e Vigilância do Cuidado: Monitoramento domiciliar para estratificação da gravidade dos casos da COVID-19”.

“Quero aqui reforçar, mais uma vez, a importância do nosso trabalho técnico e responsável no enfrentamento à Covid-19. Parabéns a todos os profissionais de saúde pública do nosso município”, destacou o Prefeito de Ilhabela, Toninho Colucci.

De acordo com o COSEMS/SP, os 30 trabalhos foram selecionados para a Mostra Nacional Brasil Aqui Tem SUS, que vai acontecer nos dias 12 e 13 de julho em Campo Grande (MS).

Estratégia inédita criada em 19 de janeiro de 2021 pelo serviço municipal de Saúde de Ilhabela, o programa visava acompanhar pacientes com Covid-19, com intuito de evitar a necessidade de internação em fase já muito avançada da doença.

De acordo com a Secretaria de Saúde, a detecção precoce de queda de saturação do oxigênio se faz necessária para evitar à insuficiência respiratória, um dos sintomas mais graves do coronavírus, indicando a possível necessidade de internação hospitalar.